O avanço da tecnologia e da regulamentação dos serviços de investimentos coletivos tem permitido que as pessoas, cada vez mais, tenham acesso a investimentos que antes eram restritos aos grandes investidores e fundos.

Isso não só tem facilitado o acesso de novos investidores (pessoas físicas), como traz benefícios para todo o mercado financeiro. Também significa que os investimentos de impacto estão se tornando mais uma fonte de oportunidades nas carteiras dos investidores.

Você provavelmente já percebeu o quanto o mundo está mudando. Novos empreendimentos, novas tecnologias, novas plataformas de comunicação, as chamadas startups, os aplicativos de serviços: tudo isso faz parte das mudanças sociais e culturais que nos impactam diariamente. E claro, com tantas inovações sociais, a economia também é impactada profundamente.

É só pensar nos gigantes que, de certa forma, inventaram e reinventaram algum conceito e, hoje, são sucesso absoluto mundial. Nessa linha podemos citar a Netflix, Spotify entre outros. Mas o que isso tem a ver com o investimento coletivo?

Da mesma forma, as inovações e novas tecnologias disponíveis no mercado se mostram como ferramentas extremamente úteis para revolucionar o mercado financeiro, democratizando os investimentos e levando o pequeno e médio investidor para mais perto de mercados que antes não poderiam investir. É aí que entram os investimentos coletivos.

Quer saber o que é um investimento coletivo, como ele funciona, quem pode investir e como aproveitar essa tendência? Neste artigo te contamos tudo sobre o assunto e te preparamos para se lançar nesse novo mercado de sucesso. Confira!

Antes de começar, aproveite também para baixar este glossário completo com nomenclaturas do mercado financeiro.

mercado-financeiro

Renda fixa X Renda variável

Antes de entrar nas características gerais do investimento coletivo é preciso entender um pouco sobre os dois tipos clássicos de investimento: os de renda fixa e os de renda variável.

Investimentos de renda fixa são aqueles que o investidor sabe exatamente quanto terá de retorno dentro de um determinado tempo. Esses são investimentos mais conhecidos pela população em geral, e como não há altas chances de perda de capital são considerados investimentos de baixo risco.

Alguns exemplos clássicos de investimentos de renda fixa são: poupança; CDB; Tesouro Direto, etc.

De modo diferente, os investimentos de renda variável são um pouco mais dinâmicos e voláteis. Quando você investe, os lucros são baseados em diversos fatores (que dependem do tipo de investimento, é claro!) e não é possível saber ao certo qual será seu percentual de lucro. Eles são considerados um pouco mais como uma “aposta” do que os de renda fixa.

Para muitos, os investimentos de renda variável são considerados arriscados, afinal, é possível perder dinheiro se ele não der certo. Porém, essa volatilidade é exatamente a característica que faz deles um pouco mais lucrativos. Da mesma forma que há a capacidade de desvalorização, há a chance de uma valorização mais expressiva e mais rápida.

Alguns exemplos são: câmbio; bolsa de valores; fundos imobiliários, etc.

Os investimentos coletivos, apesar de ser uma alternativa de investimento, apresentam características de renda fixa.

Confira o que é o investimento coletivo, quais suas principais vantagens e saiba como começar a investir!

O que é investimento coletivo?

O investimento coletivo, que também pode ser chamado de crowdfunding de investimento, é uma forma de captação de recursos mediada pela internet. É, de certa forma, um financiamento coletivo, porém, com retorno para o investidor.

O termo crowdfunding se popularizou na internet nos últimos anos com as conhecidas “vaquinhas online”, nas quais várias pessoas se unem para, por meio de doações, financiar algum projeto. A ideia do investimento coletivo é semelhante, mas, ao contrário das vaquinhas, não se trata de doações, e sim, investimentos.

Um projeto é apresentado, geralmente pela internet, a um grande número de pessoas que têm a oportunidade de investir ou não nele. É uma forma mais simples e democratizada de investir em grandes mercados, por exemplo, o imobiliário.

Se antes era preciso uma grande quantia de dinheiro para aplicações nesses tipos de investimentos, o investimento coletivo facilita esse processo e, mediados por uma empresa especializada, ajudam o pequeno e médio investidores a diversificarem sua carteira de aplicações, visando lucros expressivos no mercado financeiro.

Além disso, o investimento coletivo se apresenta como uma oportunidade de investir na economia real, que, além de retornos financeiros para o investidor, traz retornos reais para a sociedade. Investimentos na economia real estimulam a economia local, ajudam a gerar empregos e, de modo geral, mostram retornos mais tangíveis.

Investimentos coletivo imobiliário: entenda o que é

As plataformas de investimento coletivo são ferramentas inovadoras daquilo que se chama economia compartilhada e da cocriação de valor em empresas. As plataformas em si não criam valor, e sim oferecem propostas de valor para os usuários e empresas.

De fato, o mundo do crowdfunding oferece maior facilidade, transparência e menores custos de transação. 

E como dissemos, há investimento coletivo no setor imobiliário, como as plataformas imobiliárias com financiamento coletivo, que possuem um conjunto de investimentos relacionados a imóveis.

Esses projetos de crowdfunding podem incluir propriedades diretas do fundo, conhecidas como REIT de capital  — em contraste, há o REIT de dívida ou hipoteca, o qual possui dívidas garantidas por imóveis.

Entretanto, nem todas as plataformas de crowdfunding imobiliárias agrupam investimentos em fundos REIT. Algumas, em vez disso, operam como credores de propriedades de investimento, oferecendo empréstimos a investidores imobiliários, como é o caso da INCO.

Mas para quem é indicado o investimento imobiliário?

O financiamento coletivo imobiliário é indicado para investidores que buscam diversificação e fontes alternativas de renda. Por ser um investimento direto em projetos imobiliários oferece retornos muito mais atraentes do que títulos comuns de renda fixa e variável.

Optar por fazer investimento coletivo imobiliário pode gerar uma rentabilidade muitas vezes de até 20% ao ano.

Cabe ressaltar que investir no investimento coletivo imobiliário é uma oportunidade ligada à economia real e permite diversificar a sua carteira de investimentos.

Confira a seguir quais são as vantagens de apostar em um investimento coletivo (crowdfunding de investimento)?

Vantagens do investimento coletivo

São diversas as vantagens de se apostar em um investimento coletivo, especialmente se você é um investidor iniciante que está buscando entrar no mercado financeiro de uma forma mais simples e com um menor investimento inicial.

Confira algumas vantagens do investimento coletivo:

  • Menos burocracia, mais facilidade: É possível fazer o investimento de forma fácil e rápida, sendo 100% online. Resolvendo tudo pela internet, elimina-se etapas que podem ser muito burocráticas – como assinatura presencial de contratos, por exemplo – e torna o investimento muito mais eficiente. Com todas as informações reunidas no mesmo lugar e com poucos cliques é possível se informar e tomar a decisão de investir sem ao menos sair de casa.
  • Baixo capital inicial necessário em comparação com os investimentos tradicionais: Aqui na INCO você pode começar a investir com R$500,00.
  • Acesso a oportunidades novas e exclusivas.
  • Investimento na economia real: Como citamos, a possibilidade de investir na economia real é um enorme atrativo do investimento coletivo. Os lucros do investimento não vão somente para o bolso do investidor, uma vez que geram retornos para a sociedade. Por exemplo, se você investe na construção de um prédio comercial, vários empregos são gerados na fase da construção e, quando essa obra ficar pronta, novos empreendimentos podem ser montados naquele local, estimulando o empreendedorismo e a economia.
  • Diversificação do investimento: É sempre bom citar a importância de diversificar investimentos para diminuir os riscos. Dividindo o capital em mais de um projeto e mais de um empreendimento, é possível que os investidores diminuam os riscos e, com isso, irão diminuir também a possibilidade de perdas. As plataformas de investimento coletivo facilitam essa diversificação de investimentos.
  • Não possui taxas: No momento do investimento coletivo, o investidor não precisa pagar nenhum tipo de taxa de administração, o que faz com que os ganhos sejam sempre potencializados.
  • Democratização do mercado de investimentos: Se antigamente era preciso um grande capital inicial para investir em determinados mercados, o investimento coletivo surge exatamente como uma alternativa mais democrática para se investir. Por meio desses sites de crowdfunding de investimento, até mesmo pequenos investidores podem investir em negócios de maior rentabilidade e projetos maiores, como o mercado imobiliário.
  • Boa rentabilidade: os investimentos coletivos possuem uma rentabilidade considerada alta no mercado financeiro. Com rendimentos que podem chegar a até 19% ao ano, eles são uma ótima maneira de ter lucros expressivos investindo em projetos de alto impacto. Além disso, é possível ainda que eles tenham uma rentabilidade mínima garantida em contrato, ou seja, que faz com que os riscos diminuam ainda mais.

Com todas essas vantagens, fica claro que um investimento coletivo pode ser uma excelente forma de começar a investir, certo? Então, confira como funciona o investimento na modalidade crowdfunding.

Como funciona o investimento coletivo

O crowdfunding de investimento funciona, majoritariamente, por meio de uma plataforma de investimento coletivo. Por lá, você pode encontrar as possibilidades de investimento e todas as informações necessárias para começar a investir neles.

Essa empresa irá, previamente, selecionar quais são os projetos viáveis e confiáveis que serão disponibilizados na plataforma. Por isso é muito importante escolher uma empresa de confiança antes de investir.

Com os projetos escolhidos e disponibilizados no site, o investidor pode escolher quais desses projetos mais combina com seu perfil de investidor e, então, realizar o investimento. Após a aplicação, o investidor pode acompanhar o status de desenvolvimento da obra (no caso do mercado imobiliário, por exemplo) e, após o tempo de retorno estabelecido em contrato, recebe os lucros provenientes da rentabilidade também acordada previamente.

Simples demais, certo? É por isso que o investimento coletivo é uma modalidade de aplicação que não para de crescer no Brasil.

Rentabilidade

A rentabilidade de cada projeto será diferente e a data de recepção dos lucros já fica acordada em contrato. Alguns projetos ainda contam com uma rentabilidade mínima garantida, dessa forma, não há surpresas negativas para o investidor.

Quem pode investir?

Como falamos nas vantagens do investimento coletivo, eles surgem como uma forma de aproximar diversas pessoas do mercado financeiro. Com toda a facilidade na hora de investir, fica muito mais fácil entrar nesse mercado.

Então, quem pode investir em um crowdfunding de investimento?

Em geral, não há complicações. Qualquer pessoa – física ou jurídica – maior de idade pode conhecer esse tipo de aplicação e começar a investir. Com um pouco de estudo e pesquisa sobre esse mercado, é possível ter sucesso de forma mais fácil e menos burocrática.

Não há como afirmar qual projeto é melhor ou pior, afinal, tudo irá depender do seu perfil de investidor. Desse modo, conhecendo um pouco mais sobre essa modalidade, você pode escolher qual projeto se encaixa com seu perfil e seus objetivos e começar a investir agora mesmo.

Agora que você já sabe quais são as vantagens e já viu que o investimento coletivo é uma forma que promete revolucionar o mercado de aplicações, que tal ver como você pode também começar a investir? Confira o passo a passo e comece agora mesmo.

Como investir em crowdfunding de investimento?

Como o processo é 100% online, você só precisará da internet para realizar o seu investimento coletivo.

O primeiro passo para começar a investir em um crowdfunding de investimento é escolhendo a empresa de confiança para mediar esse processo. Depois, você deve analisar o prospecto de investimentos disponíveis que estejam com captação aberta, a característica deles, o tempo de retorno, a rentabilidade e outras características importantes antes de assinar o contrato.

Lembre-se que o melhor investimento será definido de acordo com seu perfil e seus objetivos. Pense na quantia que você tem disponível para investir e quanto tempo você está disposto a esperar pelos retornos e comece a avaliar os projetos a partir daí.

Depois que você fizer o investimento, é só aguardar a confirmação da captação total do projeto para saber se ele foi viabilizado e, aí, pode começar a acompanhar de perto os estágios de desenvolvimento até a data de recebimento dos lucros. É possível, inclusive, investir em mais de um projeto por vez, diversificando ainda mais sua carteira de investimentos.

Investimento Coletivo: faz sentido para sua empresa?

A importância do investimento coletivo se dá devido à união de vários perfis de investidores que ao investir têm, juntos, um maior poder financeiro, o que facilita o acesso a investimentos que antes eram restritos aos grandes investidores e fundos.

Ao investir em crowdfunding imobiliário você financia diretamente os empreendedores, sem intermediários. A facilidade de acesso reduz as burocracias que o investidor tinha ao deixar o dinheiro no banco cujo banco financiava a empresa com taxas abusivas.

Como funciona para captar por meio da plataforma de investimentos coletivos na INCO?

A INCO Investimentos é uma Instituição Financeira aprovada e regulada pelo BACEN. Ou seja, as ofertas realizadas na plataforma da INCO Investimentos são regularizadas perante o Banco Central.

Para a empresa, é um processo bem simples.

  1. Análise de crédito: Avaliamos a empresa e aprovamos apenas empresas organizadas, saudáveis que cumprem nossos requisitos de qualidade. Após aprovada, lançamos a oferta em nosso site para que qualquer investidor do Brasil possa participar (já somos hoje mais de 9 mil investidores em todos os estados).
  2. Oferecemos investimentos a partir de 500 reais. Assim, tanto pequenos como grandes investidores podem apoiar os projetos imobiliários.
  3. Colocamos um alvo e prazo máximos da captação. Assim que alcançamos o objetivo, a oferta é encerrada e o dinheiro é enviado para a empresa que possui o projeto imobiliário em andamento.

E quais são as vantagens para as empresas do setor imobiliário? Entenda como funciona a captação de crédito de desenvolvimento na INCO.

Para cada projeto de cada empresa, uma proposta personalizada. Analisamos o crédito de forma rápida, com uma equipe que entende do setor imobiliário.

Em nossa plataforma digital, conectamos as empresas a investidores que vão emprestar capital para os projetos imobiliários.

As vantagens para as empresas do setor imobiliário são:

1.  Velocidade:

Você já teve problemas ao buscar um financiamento no banco? Claramente os processos são extremamente burocráticos, lentos e desgastantes, não é?

O processo na INCO é ágil e simples. Assim que as incorporadoras ou construtoras, por exemplo, acessam o processo de abertura de captação e envia todos os documentos, nossos especialistas fazem a análise de crédito, em poucos dias. Assim que aprovada, programamos o lançamento em nosso site (normalmente na mesma semana ou na próxima).

As captações tem duração média de 1 a 3 dias — temos casos em que captamos 2 milhões de reais em menos de 15 minutos. No entanto, trabalhamos com prazo de 5 a 10 dias por segurança.

Em mais de 120 operações sempre atingimos mais do que o valor mínimo desejado pela empresa.

 2. Exposição de marca

Seu projeto será exposto para milhares de investidores de todo o Brasil ao lado de outras empresas referência no setor.

3.  Gestão dos investidores

Na prática, a INCO é quem faz a gestão dos investidores e das captações — dando segurança aos empresários se preocuparem apenas com seus projetos.

 4. Taxas competitivas

Tiramos o banco como intermediário. Com isso, nossos produtos tem taxas competitivas e justas — os investidores são beneficiados por conta da rentabilidade e as empresas com as facilidades de acesso ao capital com taxas baixas.

5.  Produtos personalizados

Montamos o financiamento visando atender as necessidades da empresa.

Temos diversas possibilidades de produtos de financiamento como: 

  • Capital de Giro para empreendimentos;
  • Crédito com garantia de imóveis;
  • Plano Empresário;
  • Antecipação de Recebíveis;
  • Antecipação de Pró Soluto.

Quais são os mercados que a INCO Investimentos atende?

Além de sermos a Plataforma de investimentos imobiliários que mais cresce e possuir toda tecnologia e estrutura regulatória, atuamos como estruturadores de produtos do mercado imobiliário, onde já originamos e distribuímos mais de 200 milhões em 3 anos. Além disso, temos outros estruturadores parceiros de outros mercados, como crédito estudantil, venture capital, energia, agro etc..

Se você é um estruturador de produtos para o mercado financeiro, você também pode se tornar um parceiro e utilizar a nossa Plataforma. Saiba como aqui.

Conclusão

Viu como é fácil começar a investir em investimentos coletivos? Se você também acredita que o crowdfunding de investimentos é para você, cadastre-se em nossa plataforma de investimentos coletivos e confira as opções disponíveis para você.

Baixe também nosso App INCO — disponível em IOS e Android. Aproveite e assine a Newsletter dos Investidores Inteligentes!